HestiaCP no ARM

03/11/21

Como a Oracle oferece no nível “always free” 4 núcleos do processador arm e 24gb de ram para o mesmo, as instâncias ampere são bbem úteis pra quem quer ter uma hospedagem parruda sem custos extras.

O intuito desse post não é ensinar a setar a máquina virtual, vou escrever esse outro dia. Porém, uma vez a instância preparada, basta seguir a receita pra instalar o HestiaCP

A primeira parte é ser root. Para isso usamos o comando sudo para elevar o usuário padrão pro usuário raiz, capaz de alterar tudo na máquina

sudo -i

Então usamos o comando apt update e apt upgrade para garantir que nosso sistema esteja atualizado

sudo apt update && sudo apt upgrade -y

Clonamos o repositório do HestiaCP no github

git clone https://github.com/hestiacp/hestiacp.git

Em seguida mudamos para a pasta src (source) e usamos o script para auto compilar todos os pacotes necessários sem instalar nada por enquanto.

cd hestiacp/src/
./hst_autocompile.sh --all --noinstall --keepbuild release

Após a compilação, temos na pasta install o script para instalar o HestiaCP. Antes disso lembre-se de deletar o grupo admin (groupdel admin) para evitar incompatibilidades.

cd ../install/
groupdel admin
bash hst-install-ubuntu.sh --with-debs /tmp/hestiacp-src/deb/

E voilá, após a instalação o script deve exibir o caminho para acessar o painel, geralmente em https://ip-do-seu-servidor:8083 ou algo do gênero


Foto de Perfil

Escrito por Will Koga cara do marketing, viciado em café e entusiasta de novas tecnologias você pode me contratar ou me achar lá pelo Twitter

© 2021, Feito com 🤍 por mim usando o Gatsby